Revisitar a Paisagem e as Artes Decorativas Fazendo Objectos com Ética para Adorno Pessoal


Revisitar a Paisagem e as Artes Decorativas


Respeitando aqueles que anonimamente, durante as seculares e austeras fainas do quotidiano sublimavam, interpretando,representando e executando beleza,com que embelezavam seua amores, altares ou artefactos, arquitetando consciente ou inconscientemente a paisagem da qual, eram ou em alguns casos felizes, ainda são parte.


Fazendo Objectos com Ética


A seleção das formas e materiais devem-se, antes de mais,a critérios de gosto pessoal de entre aqueles que se encontram disponiveis nos locais que habito.

Os objectos não pretendem impressionar pela quantidade ou qualidade do material usado, precioso ou não, mas sim pelo exercicio de procura e registo das materias primas, formas e conteudos disponíveis, sendo eticamente selecionados   assim como a sua aplicação em novas situações, sem danos para o ambiente, plantas animais ou pessoas.


Para Adorno Pessoal


Muito embora espere com estes objectos de adorno pessoal, uma chamada de atenção sobre um conjunto de tradições culturais, sociais, materiais e religiosas, de um território pré definido, pretendo mais que tudo comprovar que são possiveis novas actividades associadas aos valores existentes e estimular naqueles que da paisagem fazem parte e lhe não são indiferentes, novas soluções e boas práticas com sustentabilidade futura.


Resgate Almadanim

( Além Tejo,MMXV )

PT | EN

© 2016 resgatealmadanim